Disseste-nos adeus e morreste, mas nós não te esquecemos e, por isso, ficas aqui para te ir ouvindo sempre que posso e quem mais quiser.

 

 

 

Tu foste grande Amália

 

Ainda hoje ouço aquele apelo daqueles que sonhavam com a liberdade: "Amália anda, não fiques à varanda".

 

E, não esqueço o teu sorriso! Tu estavas connosco!

Tu continuas connosco!

São 9 anos de saudade!

O Ventor gosta de música e de instrumentos musicais e, entre eles, um dos mais apreciados é a gaita galega, como dizíamos em Adrão, 50 anos atrás

sinto-me:
música: Disse-te adeus e morri de Amália Rodrigues
tags:
publicado por Ventor às 20:48